Leilão Safiras Grama traz novos investidores para a raça Senepol

A jovem doadora GRAZ 70, campeã do Safiras do Senepol, recebeu valorização expressiva no leilão. (Foto: Assessoria S+)

A jovem doadora GRAZ 70, campeã do Safiras do Senepol, recebeu valorização expressiva no leilão. (Foto: Assessoria S+)

 

O Leilão Virtual Safiras Grama & Convidados deu mais uma resposta de como a raça Senepol vem crescendo e convencendo selecionadores de todo o Brasil. Os 38 lotes comercializados na tarde do dia 7 de novembro, com transmissão pelo Canal do Boi, apresentaram 100% de liquidez e trouxeram para a raça seis novos criadores, dos 12 que investiram nas jovens doadoras que acabaram de se qualificar no programa Safiras do Senepol.

O objetivo do programa é qualificar as novilhas para dar garantias ao mercado e ele reconhece isso, trazendo sempre novos criadores para a raça”, explica Júnior Fernandes, da Grama Senepol e da S+, empresa que assessorou o remate.

O leilão apresentou uma média geral de R$ 39.200,00, com destaque para a novilha GRAZ 70, que teve 50% arrematados pelo criador Marcus Farah, do Senepol Belvale, de Uberlândia/MG, por 36 parcelas de R$ 5.250,00. Isso levou a R$ 378 mil a cotação dessa fêmea, que se sagrou campeã absoluta na edição 2015.1 do Safiras do Senepol, encerrado no dia 6 de outubro, em Pirajuí/SP. Graz 70 era, até a batida do martelo, propriedade da parceria Grama/ZB Senepol.

Outras dez marcas participaram como vendedoras no leilão, com lotes próprios ou de parcerias. O maior comprador foi o novo criador José Carlos Gradela, de São José do Rio Preto/SP, que iniciou seus investimentos na raça durante o leilão Grama Embryos, no final de setembro.

Todos os lotes vendidos no dia 7 de novembro saíram da última edição do Safiras do Senepol, programa que começou em 2009 a classificar fêmeas em sete características de impacto econômico – envolvendo morfologia, carcaça, escore do trato reprodutivo, população folicular, ganho de peso e eficiência alimentar – e na última edição atingiu marca superior a 1.500 fêmeas avaliadas. A nova edição da prova começou no fim de outubro, com mais de 250 fêmeas participantes, novo recorde da provas do mercado.

Categorias: Notícias.
Tags: , , , , , , .
Bookmark the permalink.

Os comentários estão desativados.