Paranoá Senepol registra 100% de liquidez no leilão Produção Máxima

A Paranoá Senepol comemora 100% de liquidez no Leilão Produção Máxima, que foi ao ar pelo Canal Rural no dia 5 de março, sábado à tarde. O criatório de Eldino e Guilherme Zeli vendeu 300 produtos e atingiu diversos Estados do Brasil, com arrecadação total de R$ 1,43 milhão. “É um orgulho ver a aceitação do nosso trabalho”, reagiu Guilherme Zeli. “A gente faz um trabalho transparente, para que nossos produtos possam dar resultado na fazenda dos investidores e o mercado reconheceu isso”.

02_1 EZ 297 busto

Touro EZ 297 alcançou o melhor preço no leilão Produção Máxima Paranoá Senepol: R$ 24 mil. (Foto: Assessoria de Comunicação Paranoá Senepol).

Esse reconhecimento veio na forma de valorização dos animais comercializados. Foram sete lotes comerciais de meio-sangue Senepol, entre os quais três de machos de 08 a 11 meses de idade e pesos entre 210kg e 315kg, com média de R$ 1.740,48 – o mais valorizado atingiu R$ 1.926,00. As fêmeas contemporâneas receberam valorização média de R$ 1.440,13. Esses lotes foram disputados e arrematados por criadores de Brasilândia/MS e Uberlândia/MG.

No gado puro, as bezerras tiveram média de R$ 12 mil, as matrizes (vacas e novilhas) alcançaram preço de R$ 17 mil e os touros jovens (até 24 meses), R$ 13,5 mil. O destaque dessa venda dos 60 reprodutores foi o touro EZ 297 (WC 123N x SCR 6001S), arrematado por R$ 24.120,00 pelo criatório de Jorge Luiz Veduvoto. “Mais do que preço, a gente queria disponibilizar essa ferramenta cada vez mais procurada, com a qualidade que nos propomos a oferecer e os pecuaristas que querem produzir bons bezerros entenderam isso”, afirmou Zeli, ao final do leilão. “Quem trabalha com o capricho que a família Zeli tem na seleção do Senepol da Paranoá só pode alcançar um resultado como esse”, elogiou Júnior Fernandes, da S+, que trabalhou nos comentários do leilão, no estúdio do Canal Rural.

Facebook-LeilaoProducaoMaxima_2016

Outro ponto destacado no leilão foi o fato de cinco novos criadores de BA, MG, PR, RJ e SP entrarem para a raça, adquirindo fêmeas jovens e matrizes de alto padrão genético. “Isso é uma mostra de que o Senepol cada vez mais convence as pessoas que precisam de uma pecuária eficiente”, comentou Guilherme Zeli. Alex Marconato, da S+, trabalhou na mesa de lances da Programa Leilões, em Londrina/PR, e constatou um interesse muito acentuado durante o leilão. “O telefone não parou em nenhuma das categorias à venda, todo mundo quer o que é bom”, afirmou. “Não sobrou nada, sem defesa, um ótimo leilão”.

A Paranoá Senepol volta ao mercado com o leilão de genética, marcado para 2 de junho, em Três Lagoas/MS. O evento também terá assessoria da S+ e as informações serão divulgadas oportunamente aqui.

Categorias: Notícias, Notícias Parceiros.
Tags: , , , , , , , , .
Bookmark the permalink.

Os comentários estão desativados.