Pró Ventre Senepol

Proprietário: Silter Aparecido de Oliveira Fadel
Cidade: Campos Novos Paulistas – SP

centralproventre-site-170712

Pró Ventre Senepol: especialista em reprodução bovina investe nas características da raça

Propriedade integra soluções de agricultura e pecuária com sistemas silvipastoris e foi fundada em 2000

A central de reprodução bovina Pró Ventre oferece aos seus clientes biotecnologia em transferência de embriões bovinos. Localizada no interior de São Paulo, no município de Campos Novos Paulista, a propriedade, comandada pelo médico veterinário Silter Aparecido de Oliveira Fadel, integra soluções de agricultura e pecuária com sistemas silvipastoris. “Acreditamos que esta integração e interação dos componentes pecuário, agrícola e florestal são de vital importância para o desenvolvimento sustentável”, afirma Fadel.

A fazenda foi fundada em 2000 pelo médico veterinário, que contou com o apoio e o incentivo de seu pai, Valter Aparecido Fadel. Juntos, iniciaram suas atividades em um empreendimento voltado para o equilíbrio integrado entre pecuária e agricultura. Desde então, esta sólida atividade permanece na busca constante por novas tecnologias, aliadas aos esforços constantes em atender às necessidades e diretrizes de clientes e parceiros.

Muito antes de sua criação, a Pró Ventre pode acompanhar junto de seus clientes e parceiros inúmeras raças com diferentes potencialidades. Uma delas, em especial, chamou a atenção de Fadel. “Em 2000, assistimos ao descongelamento pioneiro de embriões importados da raça Senepol, na Fazenda da Grama. Mesmo sem conhecer a raça, acompanhamos o processo tecnológico de reprodução assistida”, relata.

Em 2005, o criador teve a oportunidade de participar de um projeto de cultivo embrionário, usando embriões de baixa qualidade para a transferência convencional, na intenção de reaproveita-los. Após vários resultados positivos, ocorreu a permanência de uma gestação na Central Pró Ventre que, por coincidência, fora fruto da Fazenda da Grama.

“Lembro-me da preocupação do Junior Fernandes que, na proximidade do parto, nos informou que se tratava de um produto importante e que mereceria atenção. A receptora tinha condições fisiológicas normais e necessárias para o parto, mas, tomados pela preocupação do cliente, fizemos o acompanhamento. Nasceu uma linda bezerra com 32 kg. O que na ocasião me chamou atenção foi a cor vermelha brilhante”, conta o médico veterinário.

Decorridos 40 dias após o parto, quando o criador acertou o embarque do animal, ele se espantou com a bezerra, que apresentava um incrível desenvolvimento e uma cobertura de carcaça excepcional. “Também não me esqueço do meu comentário: ‘Diferente, né?’”, diz Fadel.

Em 2006, a Fazenda da Grama passou a intensificar o seu projeto de reprodução junto à Central Pró Ventre e Fadel passou a acompanhar o desenvolvimento da raça, se tornando um parceiro, mas em segmento distinto. No início de 2011, após uma visita à Chácara Olho d’Água, situada em Comodoro (MT) e pertencente ao parceiro e amigo André Sanchez, o médico veterinário pode avaliar a qualidade dos produtos puros e dos resultantes de cruzamento, com incrível capacidade de desenvolvimento no calor extremo. “Tive a oportunidade de assistir a um touro Senepol, em pleno sol do meio dia, cobrir duas vacas inúmeras vezes. O calor estava insuportável e o bicho nem ligava” diz.

Quando questionado sobre o porquê de se investir na raça Senepol, Fadel é contundente. “Por ser diferente. Nasce pequeno, exige pouco para expressar suas qualidades produtivas, possui uma incrível herdabilidade para suas progênies, além de facilidade e velocidade de desenvolvimento, sem haver preocupações com o clima brasileiro. O Senepol está pronto para o nosso país, clima e tecnologia”, afirma.

Por que Parceiros do Senepol?

“Agora nos tornamos mais um dos Parceiros do Senepol, criando a Pró Ventre Senepol. Eu jamais entraria em um negócio onde não me sentisse totalmente seguro e onde existe uma visão de longo prazo. Encontrei isto neste grupo”.

Categorias: Parceiros do Senepol.
Tags: , .
Bookmark the permalink.

Os comentários estão desativados.